Traduções, Artigos, Entrevistas

Posts com tag “Leon Scott Kennedy

Uma Dose de Novas Informações Sobre Resident Evil 6!

Tradução do post feito hoje, dia 15/02/2012, no blog da Capcom Europe.

Houve muita especulação sobre Resident Evil 6 desde o trailer de lançamento e hoje nós iremos esclarecer algumas coisas e possivelmente responder algumas das perguntas que você tem sobre o mais recente título na série de survival horror mais épica de todos os tempos.

O ano é 2013, e Chris Redfield continua sua luta contra o bioterrorismo como líder da BSAA. Ele passou por um trauma pessoal seis meses atrás mas a despeito disso ele se reuniu à seus colegas da BSAA na China para enfrentar um grande ataque bioterrorista na cidade costeira de Lanshiang.

Teme-se que o recente surto esteja ligado a um incidente na zona de conflito no Leste da Europa cerca de seis meses atrás no qual surgiu pela primeira vez uma nova ameaça bio-orgânica chamada J’avo. Batizado pela BSAA com a palavra sérvia para “demônio”, o J’avo ainda exibe certos elementos humanos – tais como a habilidade de compreender a fala, trabalharem juntos como um grupo e usar armas – mas eles também são incrivelmente agressivos e um número de suas ações regrediu ao puro instinto.
(mais…)

Anúncios

Novos Detalhes e Imagens de Resident Evil 6

Tradução do post feito por Brelston hoje, dia 15/02/2012, em seu blog na Capcom-Unity.

Embora ainda seja muito cedo para revelar tudo o que RE6 tem a oferecer, hoje nós podemos discutir novos detalhes que cercam os personagens e a história, e ainda compartilhar algumas novas imagens que recaptulem o trailer de lançamento.

Nós já sabemos que Chris Redfield vai para a China em algum ponto nesse surto global de BOW, mas onde exatamente na China ele está? Será em uma cidade costeira ficcional chamada Lanshiang,  a qual se juntará às fileiras de Raccoon City e Twin Oaks como locais dominados por horríveis monstros. Quanto ao período de tempo, nós podemos confirmar que Resident Evil 6 acontece em 2013, colocando-o poucos anos depois de Resident Evil 5.

Falando de BOWs, aqui está uma lista de alguns dos inimigos que você irá enfrentar:
(mais…)


Ashley Graham

Ashley Graham (Resident Evil 4)

Dados Pessoais

Idade: 20
Tipo sanguíneo: Desconhecido
Altura: Desconhecida
Peso: Desconhecido

A única filha do Presidente dos Estados Unidos. Sua educação na alta classe a tornou um pouco teimosa, mas ela tinha um otimismo que a tornava verdadeiramente destemida. No caminho de volta da faculdade em Massachusetts para sua casa, ela foi sequestrada por Krauser. Ele a levou para uma vila na Europa que era o lar do culto Los Illuminados. As pessoas da vila tinham enlouquecido sob o controle do parasita “Plagas”. Ela foi encontrada por Leon, que a protegeu durante inúmeros ataques de Ganados até levá-la para a segurança.

Ela já tinha sido implantada com um ovo de Plaga quando Leon a encontrou, e enquanto eles estavam fugindo, sinais da assimilação começaram a se mostrar. No início, ela estava compreensivelmente em pânico por causa do horror indizível que estava crescendo dentro de seu corpo, mas ela eventualmente se acalmou o bastante para fazer piada sobre isso, e foi até mesmo capaz de ajudar Leon a escapar de algumas lutas ela mesma. Ver sua tenacidade ao enfrentar uma situação tão cruel deu a Leon coragem para seguir em frente.

No minuto em que ela retornou para casa em segurança, talvez como resultado de seu tremendo alívio, ela começou a mostrar um intenso interesse em Leon.

Os maneirismos de Ashley são um pouco infantis, mas ela tem um senso de estilo maduro, o qual Luis Sera notou cuidadosamente quando a encontrou pela primeira vez. Seu top é um suéter sem mangas laranja colado ao corpo, sobre o qual ela amarra um prático casaco de lã marrom com um padrão de malha nas mangas. Na parte de baixo, ela usa uma saia xadrez verde com corte diagonal. O marrom acentua sua roupa em um bom equilíbrio entre seu casaco, cinto e botas, com fivelas de prata para adicionar um toque de classe.

Sua outra roupa é um conjunto branco de top e calças. A blusa é bastante reveladora, mas uma fita de seda pendurada em seu esterno adiciona um toque de elegância. A roupa é completada com um cinto na cor borgonha e um bracelete branco para combinar.


Leon S. Kennedy

Leon Scott Kennedy (Resident Evil 4)

Dados Pessoais

Idade: 27 Anos
Tipo sanguíneo: A
Altura: 1,80 m
Peso: Desconhecido
Unidade atual: Agente dos Estados Unidos

Anteriormente com o Departamento de Polícia de Raccoon City, Leon agora é um agente do Serviço Secreto dos Estados Unidos. Seu nome do meio é Scott. Ele tem um forte senso de justiça, e um calmo e usualmente imperturbável caráter, apesar de agir imprudentemente de vez em quando. Ele amadureceu consideravelmente desde os seus dias como policial novato, e agora é confiante o suficiente para fazer piadas em momentos de crise.

Quando a filha do Presidente, Ashley Graham, foi sequestrada, Leon recebeu uma missão solo de voar para a Europa para resgatá-la. O relato de uma testemunha o levou a uma pequena vila no meio de uma zona rural. Essa vila se mostrou ser o lar de um culto conhecido como Los Illuminados.

Enquanto Leon prosseguia com sua busca, se tornou claro que isso era mais do que um simples caso de sequestro-e-resgate. O fundador do culto, Osmund Saddler, planejava usar organismos parasíticos conhecidos como “Plagas” para colocar pessoas influentes de cada um dos países do mundo sob seu controle direto, e então moldar o mundo à sua imagem.

Enquanto esteve na vila, Leon se viu frente a frente com Ada Wong e Jack Krauser, duas das últimas pessoas que ele esperava ver novamente. Ele teve pouco tempo para se surpreender, porém, já que ele imediatamente se viu jogado em batalhas com monstruosos humanos transformados pelo parasita Plaga.

Leon era um de um punhado de sobreviventes do grande incidente viral em Raccoon City em 1998. Recém-saído da academia e em seu primeiro dia com o departamento, ele foi forçado a lidar com uma situação de perigo biológico e ruas dominadas por zumbis. Lá, ele encontrou Claire Redfield e Ada Wong, e trabalhou com ambas para encontrar uma saída segura. Apesar de Ada ser secretamente uma espiã contratada por uma das rivais da Umbrella, os dois gradualmente se tornaram próximos. Quando Ada foi aparentemente morta por uma B.O.W., Leon jurou que acabaria com a Umbrella a qualquer custo.

Depois do incidente, um oficial de inteligência do governo recrutou Leon para começar um treinamento para se tornar um Agente dos Estados Unidos, afirmando que um sobrevivente de Raccoon City deveria ter um potencial excepcional em força física e julgamento. Naturalmente, seu treinamento na Academia de Polícia não era o suficiente, e Leon passou por um período de intenso treinamento para reunir as habilidades para se tornar um agente. Foi durante esse período de tempo que ele descobriu que Ada ainda estava viva, e que ela tinha se unido à organização de Wesker.

Quando seu treinamento foi completado, Leon foi enviado para a América do Sul para encontrar um traficante com conexões com um ex-pesquisador da Umbrella. Seu apoio nessa missão foi Krauser, um membro do US SOCOM. Krauser tinha uma história de serviço corajoso, mas se viu superado na época diversas vezes pelo ainda mais gentil Leon. Depois de completar sua missão, Krauser foi exonerado, e mais tarde foi informado que ele morreu em um acidente.

Agora na zona rural européia em 2004, Leon vê com seus próprios olhos que Ada está realmente viva, e fica chocado em ver que Krauser também não havia morrido. Ada consegue enganá-lo e escapar com uma amostra da Plaga Mestre, mas ele destrói o culto e Krauser com ele, e traz Ashley de volta em segurança. Voltando para casa com a missão cumprida, Leon escreve o “Relatório Kennedy” detalhando tudo o que ele descobriu sobre os Ganados. O relatório é secreto, podendo ser acessado apenas pelo Governo dos E.U.A. e pela BSAA.

Cerca de um ano depois, um incidente biológico com o T-Vírus ocorreu no Aeroporto de Harvardville, na América. Leon foi colocado no comando de uma equipe de resposta especial para lidar com a ameaça, e quando ele chegou no aeroporto, ele encontrou Claire. Os dois lidaram com os zumbis e salvaram as pessoas no local, mas imediatamente depois, eles foram forçados a resolver uma série de incidentes de bioterrorismo girando em torno da WillPharma, a companhia que assumiu o lugar da Umbrella à frente do mundo farmacêutico.


Ada Wong

Ada Wong (Resident Evil 4)

Dados Pessoais

Idade: Desconhecida
Tipo sanguíneo: AB
Altura: Desconhecida
Peso: Desconhecida
Unidade atual:  Desconhecida

Uma beleza oriental que usa um cheongsam carmesim bordado com borboletas. Ela é uma excelente lutadora e uma espiã habilidosa cujo passado é um completo mistério. Até mesmo seu nome, Ada Wong, é meramente um pseudônimo.

Sob ordens de Albert Wesker, ela se infiltrou na base do culto Los Illuminados para trazer de volta uma amostra da Plaga Mestre.

Uma olhada para ela em seu longo cheongsam pode levá-lo a acreditar que ela não está preparada para ações pesadas, mas ela encontrou formas de ter certeza que sua roupa não interferiria com seu trabalho. Ela alterou o corpete para um estilo ocidental de corte baixo, e aumentou o comprimento da fenda na perna para ter fácil acesso ao seu coldre na coxa. Seus equipamentos são igualmente elegantes, como seu delicado e estiloso atirador de gancho, e granadas de flash em formato de óculos escuros. Sua decisão de se vestir com seu próprio estilo em qualquer situação é sua forma de afirmar sua feminilidade.

Ada estava trabalhando para uma rival da Umbrella Corporation coletando informações em Raccoon City quando o incidente viral ocorreu. Ela então recebeu a ordem de seu colega de companhia Albert Wesker para recuperar o G-Vírus sendo desenvolvido por William Birkin, da Umbrella. Quando ela encontrou Leon pela primeira vez na delegacia, ela mentiu sobre sua identidade para que ela pudesse usá-lo para obter uma amostra do vírus. Passando juntos por uma série de situações perigosas, porém, os dois eventualmente se tornaram muito próximos. Quando Leon arriscou sua vida para protegê-la, ela começou a se apaixonar por ele, e dentro de poucas horas ela faria o mesmo por ele. Ela levou um golpe crítico para salvar Leon de um ataque feito pela B.O.W. Tyrant, e enquanto ele a segurava em seus braços, sua respiração desacelerou.

Leon naturalmente assumiu o pior. Porém, apesar de estar gravemente ferida, Ada não estava morta. Talvez ela o tivesse enganado intencionalmente por preocupação, com medo de que seus ferimentos pudessem torná-la um fardo para ele. Ela foi para o hotel na cidade onde ela encontrou Wesker observando-a em seu computador. Ela mostrou a ele uma amostra do “G,” que ela tinha coletado do cadáver de William Birkin depois que ele injetou em si mesmo o G-Vírus. Wesker imediatamente enviou um helicóptero de resgate para tirar Ada de Raccoon City.

Seis anos depois, Ada apareceu na frente de Leon novamente. Eles estavam em lados opostos agora, mas ela ainda permaneceu próxima, ajudando ele e oferecendo conselhos quando ele estava com problemas. Em um momento ela estava atirando para ele um lança-mísseis para ajudá-lo na batalha contra Saddler, e no outro, ela estava mantendo-o sob a mira de sua arma enquanto roubava uma amostra da Plaga Mestre. Ela então deu a ele uma chave para um jet-ski para que ele pudesse escapar. É quase como se ela gostasse da natureza agora-estamos-juntos, agora-não-estamos de seu relacionamento.

Subindo a bordo do helicóptero de uma outra organização diferente daquela de Wesker, ela desapareceu com a amostra. Ela tinha afirmado tinha feito tudo aquilo para alcançar “seu próprio objetivo”, mas a natureza desse objetivo permanece envolta em mistério.