Traduções, Artigos, Entrevistas

Leon S. Kennedy

Leon Scott Kennedy (Resident Evil 4)

Dados Pessoais

Idade: 27 Anos
Tipo sanguíneo: A
Altura: 1,80 m
Peso: Desconhecido
Unidade atual: Agente dos Estados Unidos

Anteriormente com o Departamento de Polícia de Raccoon City, Leon agora é um agente do Serviço Secreto dos Estados Unidos. Seu nome do meio é Scott. Ele tem um forte senso de justiça, e um calmo e usualmente imperturbável caráter, apesar de agir imprudentemente de vez em quando. Ele amadureceu consideravelmente desde os seus dias como policial novato, e agora é confiante o suficiente para fazer piadas em momentos de crise.

Quando a filha do Presidente, Ashley Graham, foi sequestrada, Leon recebeu uma missão solo de voar para a Europa para resgatá-la. O relato de uma testemunha o levou a uma pequena vila no meio de uma zona rural. Essa vila se mostrou ser o lar de um culto conhecido como Los Illuminados.

Enquanto Leon prosseguia com sua busca, se tornou claro que isso era mais do que um simples caso de sequestro-e-resgate. O fundador do culto, Osmund Saddler, planejava usar organismos parasíticos conhecidos como “Plagas” para colocar pessoas influentes de cada um dos países do mundo sob seu controle direto, e então moldar o mundo à sua imagem.

Enquanto esteve na vila, Leon se viu frente a frente com Ada Wong e Jack Krauser, duas das últimas pessoas que ele esperava ver novamente. Ele teve pouco tempo para se surpreender, porém, já que ele imediatamente se viu jogado em batalhas com monstruosos humanos transformados pelo parasita Plaga.

Leon era um de um punhado de sobreviventes do grande incidente viral em Raccoon City em 1998. Recém-saído da academia e em seu primeiro dia com o departamento, ele foi forçado a lidar com uma situação de perigo biológico e ruas dominadas por zumbis. Lá, ele encontrou Claire Redfield e Ada Wong, e trabalhou com ambas para encontrar uma saída segura. Apesar de Ada ser secretamente uma espiã contratada por uma das rivais da Umbrella, os dois gradualmente se tornaram próximos. Quando Ada foi aparentemente morta por uma B.O.W., Leon jurou que acabaria com a Umbrella a qualquer custo.

Depois do incidente, um oficial de inteligência do governo recrutou Leon para começar um treinamento para se tornar um Agente dos Estados Unidos, afirmando que um sobrevivente de Raccoon City deveria ter um potencial excepcional em força física e julgamento. Naturalmente, seu treinamento na Academia de Polícia não era o suficiente, e Leon passou por um período de intenso treinamento para reunir as habilidades para se tornar um agente. Foi durante esse período de tempo que ele descobriu que Ada ainda estava viva, e que ela tinha se unido à organização de Wesker.

Quando seu treinamento foi completado, Leon foi enviado para a América do Sul para encontrar um traficante com conexões com um ex-pesquisador da Umbrella. Seu apoio nessa missão foi Krauser, um membro do US SOCOM. Krauser tinha uma história de serviço corajoso, mas se viu superado na época diversas vezes pelo ainda mais gentil Leon. Depois de completar sua missão, Krauser foi exonerado, e mais tarde foi informado que ele morreu em um acidente.

Agora na zona rural européia em 2004, Leon vê com seus próprios olhos que Ada está realmente viva, e fica chocado em ver que Krauser também não havia morrido. Ada consegue enganá-lo e escapar com uma amostra da Plaga Mestre, mas ele destrói o culto e Krauser com ele, e traz Ashley de volta em segurança. Voltando para casa com a missão cumprida, Leon escreve o “Relatório Kennedy” detalhando tudo o que ele descobriu sobre os Ganados. O relatório é secreto, podendo ser acessado apenas pelo Governo dos E.U.A. e pela BSAA.

Cerca de um ano depois, um incidente biológico com o T-Vírus ocorreu no Aeroporto de Harvardville, na América. Leon foi colocado no comando de uma equipe de resposta especial para lidar com a ameaça, e quando ele chegou no aeroporto, ele encontrou Claire. Os dois lidaram com os zumbis e salvaram as pessoas no local, mas imediatamente depois, eles foram forçados a resolver uma série de incidentes de bioterrorismo girando em torno da WillPharma, a companhia que assumiu o lugar da Umbrella à frente do mundo farmacêutico.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s