Traduções, Artigos, Entrevistas

U.B.C.S. (Serviço de Contramedida a Perigo Biológico da Umbrella) – Palavra-chave 11

(Umbrella Biohazard Countermeasure Service )

O Serviço de Contramedidas a Perigo Biológico da Umbrella, ou U.B.C.S., é composto inteiramente por bandidos que serviam ao exército de seus países. Eles existem primariamente para controlar os desastres causados pelos produtos da Umbrella, e são os primeiros a aparecer em qualquer incidente tóxico. Por causa da natureza perigosa desse trabalho, muitos dos membros desse grupo recebem perdão pelos crimes que cometeram, ou refúgio dos países dos quais fugiram. Muitos dos membros da equipe vêm de países comunistas que tiveram sua política nacional destruída, e têm um passado militar que os qualifica para operações de resgate. Mas para o desastre de Raccoon City, nenhum dos 120 membros dos quatro esquadrões foram enviados para salvar pessoas.

O objetivo da Umbrella era coletar informações sobre as B.O.W.s no maior desastre em uma área civilizada da história, e seu objetivo oficial de salvar as pessoas era apenas uma simulação. O U.B.C.S. foi considerado a cobaia perfeita para conseguir informações sobre as B.O.W.s e mutantes infectados secundariamente. Devido a esse plano cruel, quase todos os membros do U.B.C.S., das equipes Alpha a Delta, foram mortos. Eventualmente, apenas Carlos Oliveira do Esquadrão A da Equipe Delta escapou das garras dos monstros, com a ajuda da ex-membro do S.T.A.R.S. Jill Valentine.

Observadores
Aqueles que venderam seus companheiros visando ganho pessoal

Por trás do plano do U.B.C.S. de resgatar os sobreviventes estavam as intenções nefastas de seus membros que estavam agindo como observadores, ou espiões, para a Umbrella. Dentre estes observadores estavam o líder do Esquadrão B da Equipe Delta Nicholai Ginovaef e Tyrell Patrick, líder do Esquadrão A da Equipe Bravo. Esses observadores seguiam ordens especiais de monitorar seus companheiros enfrentando os monstros, coletar dados de batalha, recuperar amostras de vários laboratórios da Umbrella e destruir qualquer evidência que ligasse a Umbrella ao desastre. Era, obviamente, de grande importância que seu propósito real ficasse em segredo. Isso levou Nicholai e os outros observadores a usarem seus companheiros de equipe como peões dispensáveis, e muitos foram cruelmente sacrificados.

Antes da missão de “resgate”, os observadores foram inoculados com uma vacina de melhor qualidade do que aquelas que seus companheiros receberam, receberam instruções especiais sobre rotas de fuga pouco conhecidas e métodos confiáveis de contatar agentes externos para poderem relatar seu progresso e serem resgatados se necessário. Dessa forma, eles foram capazes de realizar seus deveres calma e friamente. Se essa missão fosse dada a alguém de caráter, como Mikhail Victor, ela não teriam ido tão bem. Para a Umbrella, era mais fácil controlar aqueles com desejos egoístas por dinheiro e que venderiam seus amigos, do que aqueles com senso de justiça e moral. Nicholai em particular serviu de forma excelente com seu comportamento frio e implacável.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s