Traduções, Artigos, Entrevistas

Hunter Program

Introdução

Hunter Program, um projeto da Umbrella Corporation de desenvolvimento de armas biológicas. Este arquivo relata informações sobres as 14 B.O.Ws desenvolvidas ao longo desse projeto e como os pesquisadores da Umbrella avançaram com essa pesquisa.

Capítulo 1: Antes de Tudo

O Programa Hunter se baseia em criar uma arma biológica (B.O.W.) através do t-vírus. Mas antes desse programa de pesquisas e desenvolvimento ter início o Dr. James Marcus já havia feito experiências em anfíbios com o t-vírus, dessa experiência surgiu a B.O.W. Lurker. Nada pode ser aproveitado dessa criatura já que ela não correspondia às necessidades de uma arma biológica, sendo assim abandonada no Umbrella Corporation Management Training Facility.

“Amphibia”

Injetando o vírus em um sapo obteve-se aumento em sua força e crescimento anormal da língua. No entanto, nenhuma habilidade mental foi observada. Mais tarde, um apetite anormal resultou em ataques a objetos aleatórios que se movem. A utilidade como B.O.W. é limitada.”

Trecho retirado do file Relatórios das Armas Biológicas (B.O.Ws), Resident Evil 0.

Durante o surto em Raccoon City alguns espécimes menores foram registrados vagando pelos esgotos da cidade.

Lurker – (Resident Evil 0, Confidential Report 1 e The Darkside Chronicles)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Lurker”

Organismos Base: Humano / American Bullfrog

Categoria: Anfíbio / Sapo

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Amphibia

Ordem: Anura

Família: Ranidae

Gênero: Rana

Espécie: R. Catesbeiana

Traços

Comprimento: 137 centímetros

Altura: 86,5 centímetros

Largura: 152 centímetros

O Lurker foi uma das primeiras B.O.W.s criadas a partir dos primeiros experimentos de James Marcus com o t-vírus. Era um anfíbio que cresceu em grandes proporções. A mutação em seu corpo o fez perder a visão, mas isso foi recompensado com sentidos de audição aprimorada e um corpo forte, no entanto, a mutação não revelou nenhum aumento na inteligência. Ele também era muito facilmente assustado com o barulho que atormentava seus ouvidos sensíveis. Esse monstro enorme vive em áreas úmidas e de grande quantidade de água. Possui uma língua gigante e muito forte que lhe dá a capacidade de se agarrar às pessoas e engoli-las inteiras em poucos segundos. Sua língua ainda deposita uma quantidade de ácido usado para atacar suas vítimas, suas garras são muito pequenas por isso são pouco usadas para atacar seus inimigos. Tem sua pele de cor castanha. E é uma criatura que fica fraca quando fica muito tempo em lugares secos.


Capítulo 2: O início

“Não somente para manipular os genes do “t-vírus”, mas também acrescentando outro código genético, ele estava planejando a criação “dele”.

Uma arma biológica militar que poderia aniquilar aqueles não afetados pelo vírus, assim como as pessoas que estivessem vestindo roupa e equipamento antiviral.

Essa arma foi mais tarde chamada de “Hunter”.”

Trecho retirado do Wesker Report 2.

O objetivo principal do projeto era produzir armas capazes de caçar e exterminar todos os sobreviventes de um risco biológico, aqueles com imunidade ao vírus ou equipamento e defesas anti-viral.

Enquanto Birkin se dedicava exclusivamente ao desenvolvimento de uma arma biológica viva (Tyrant), Wesker passou a estudar as infecções secundárias geradas pelo t-vírus. Assim ele descobriu que qualquer espécie podia se multiplicar e espalhar o vírus.

Assim Wesker começou a criar criaturas através da infusão de DNA de répteis em óvulos humanos fertilizados tendo sido administrado o t-vírus. O resultado foi uma arma forte com um nível básico de inteligência e capaz de obedecer alguns comandos.

No segundo semestre do ano de 1981 começaram as pesquisas e durante dois anos o primeiro modelo de Hunter foi criado, o MA-120 Hunter, mesmo assim essa criatura ainda seria estudada e melhorada como relatado por Willian Birkin em um de seus relatórios.

“Como resultado dos planos de melhoria de produto do MA120, a produção da mais nova arma biológica multiuso foi completada.

Apesar de o Hunter ter demonstrado alto desempenho, ultrapassando as expectativas de armas biológicas, há o interesse de produzir produtos melhores com níveis maiores de utilidade e maior força. O Hunter-R e outras armas biológicas melhores estão em desenvolvimento.

Deverão existir muitas aplicações práticas para os produtos em desenvolvimento.

William Birkin”

Trecho retirado do file Relatório de Progresso do MA121, Resident Evil 2.

Mas a sua inteligência ainda era muito baixa, isto é porque o neo-cortex cerebral é totalmente corroído pelo t-vírus. Como sabemos os animais inferiores só tem o tronco cerebral e cerebelo normal, mas sem encéfalo-pálido. Usando seus genes, as funções do cérebro podem ser melhoradas, isso faz com que controle seja aumentado.


MA-120 Hunter – (Resident Evil 2)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-120 Hunter”

Organismos Base: Humano / Réptil

Primeira criação do Programa Hunter, essa criatura foi criada através da infusão de DNA de répteis em óvulos humanos fertilizados, tendo sido administrado o t-vírus. É um grande réptil com semelhanças humanas. Essa criatura foi o ponto de partida para o desenvolvimento de outros Hunters que seriam usados para a venda aos militares.


Capítulo 3: Avançando com as pesquisas

“Este tipo de B.O.W. possui garras afiadas e pele escamada cobrindo seu corpo inteiro. O Hunter foi desenvolvido a partir de um óvulo humano fertilizado que foi infundido com DNA réptil através do t-vírus. A criatura resultante é um aterrorizante cruzamento entre um réptil e um ser humano.”

Trecho retirado do livro Resident Evil Archives.

Após a avaliação bem sucedida da Hunter MA-120, o Programa Hunter começou a produção em massa sob o “número do código MA-121 α”, usando o modelo Alpha como base. Inicialmente desenvolvido no Núcleo de Pesquisa Arklay sob a orientação de William Birkin e Albert Wesker.

Como uma B.O.W. de sucesso, o Hunter tem muitas vantagens. Possui alta capacidade de luta, pode executar ordens simples, e o mais importante é que apenas um custo muito baixo é necessário para a fabricação.

A produção em massa desse modelo seria vendida no mercado negro, ou armazenada na Umbrella Training Facility Management e foi usado como o principal tema de um curso especial anti-B.O.W. de treinamento para as forças de segurança da Umbrella (U.B.C.S.). Esta também foi uma forma para também obter dados de combate sobre essas criaturas. Essa maneira de coletar dados não funcionou muito bem, então Albert Wesker aproveitou a o acidente na mansão Spencer e usou os S.T.A.R.S. para obter os dados de combates dessas criaturas.

Algumas criaturas ainda foram distribuídas para os vários laboratórios de pesquisas da Umbrella, espalhados pelo mundo, para que os pesquisadores pudessem trabalhar nesse modelo, tentando melhorá-lo ou criar novos modelos.

Durante o incidente em Raccoon City eles foram usados pela Umbrella como meio para exterminar possíveis sobreviventes.

E no ano de 2004, Hunters adquiridos no mercado negro pelo grupo terrorista Il Veltro foi usado no ataque à cidade de Terragrigia e depois serviram para o desenvolvimento de um novo modelo de Hunter fora do Programa Hunter.

“Hunter α

Este Hunter foi a base para todos os tipos subsequentes. “Os dados de batalha obtidos através do encontro com S.T.A.R.S. tem sido influente na melhoria neste modelo.”

Trecho retirado do livro Resident Evil Archives.

MA-121 Hunter α – (Resident Evil 0, 1, Remake, Deadly Silence, Survivor, Operation Raccoon City e Revelations)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-121 Hunter Alpha”

Organismos Base: Humano / Réptil

Traços

Altura: 130 cm [em pé: 163 cm]

Largura: 95 cm

O Hunter α (alfa) foi considerado o primeiro Hunter totalmente funcional criado pela Umbrella. Ele possui a capacidade limitada para seguir ordens e possui um nível razoável de intelecto. Em combate, ele é implacável. Persegue sem trégua sua presa até que ela esteja morta. Ele consegue saltar a grandes distâncias. A aparência dessa criatura é de um réptil humanoide, com escamas verdes que cobre todo seu corpo. Têm garras grandes em cada braço, que ele usa como seu método de ataque principal podendo ser brutais na caça. Ele possui uma incomparável velocidade, agilidade e poder de ataque.

Capítulo 4: O desenvolver de novos modelos

“Hunter β

O tipo Beta é o protótipo Hunter liberado em Raccoon City para um teste de batalha antes da produção em massa. “Sua aparência grotesca, resultante da manipulação genética, é a sua característica.”

Trecho retirado do livro Resident Evil Archives.

Concept Art do Hunter MA-121 β (Beta)

Depois de 17 anos a Umbrella agora tinha dados de combates e várias cobaias para as experiências de desenvolvimento de novos modelos. E as várias bases de pesquisas em Raccoon City estavam a cada minuto trabalhando em suas pesquisas com o t-vírus e suas armas biológicas. Surgiam então os variantes do modelo Alpha, seus códigos eram:

· MA-121 Hunter β (Beta)

· MA-125 Hunter R

· Hunter μ (Mu)

· Hunter δ (Delta)

O modelo MA-125 Hunter R, foi produzido no Raccoon City Underground Research Facility, no laboratório existia um local exato do desenvolvimento dos Hunters chamado berçário. Os Hunters desenvolvidos nesse laboratório seriam usados para testar o Tyrant de código T-0400TP.

Concept Art do Hunter MA-125 R

“Testamento do Pesquisador

Oh… Não posso acreditar nisto…

Três dias se passaram desde que algumas criaturas (MA-125 R) que escaparam da área B iniciaram uma matança no laboratório… Acho que pelo menos 10 de meus colegas foram mortos por eles…

Porém, eu experimentei o horror em primeira mão, quando uma de suas garras gigantes e afiadas rasgaram meu corpo! O sangramento parece não parar…

Por que…

Por que criamos coisas tão terríveis!? Não tínhamos o direito de brincar de Deus.

A única coisa que resta para mim é destruir os controles de temperatura do laboratório…

Quando a temperatura baixar a aproximadamente zero grau, eles congelarão… tomara. Esta é a única coisa que posso fazer agora. Maldita tolice!”

File Testamento do Pesquisador, Resident Evil 2.

Com o acidente em Raccoon City, muitos espécimes desses modelos ficaram soltos nas ruas e prédios da cidade matando qualquer forma de vida que encontravam.

MA-121 Hunter β – (Resident Evil 3)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-121 Hunter Beta”

Organismos Base: Humano / Réptil

Uma variação de Hunter padrão, ele foi submetido à repetidas modificações genéticas, com êxito foi desenvolvido o modelo de beta. Os cientistas da filial de Chicago da Umbrella produziram esse modelo em massa por seu baixo custo. Possui poder de ataque inferior que o modelo Alpha comum. Outro aspecto notável do modelo Beta foi seu braço esquerdo ser maior que o direito sendo seu ponto forte no ataque e o tornando canhoto. É significativamente mais rápido do que o modelo Alpha e têm um sistema nervoso aprimorado que ajuda a escapar de ataques. Seu corpo é coberto por escamas. Mas ele também sofreu várias mutações graças a modificações genéticas, com essas modificações tumores surgiram ao longo de suas costas, dificultando a sua visão e gerando um problema para o modelo. Estes efeitos colaterais da investigação fizeram com que o modelo parasse de ser fabricado. E como todos os seus modelos, ela é uma criatura difícil de ser abatida por não apresentar pontos fracos.

MA-125 Hunter R – (Resident Evil Outbreak 1)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-125 Hunter R”

Organismos Base: Humano / Réptil

Os cientistas da base de pesquisas subterrânea de Raccoon City desenvolveram esse modelo de Hunter para tentar aperfeiçoar o modelo Alpha, suas poucas diferenças são que ele apresenta pequenas garras e espinhos espalhados pelo corpo. É muito rápido graças à perda de peso, proporcional ao tamanho, é também bastante agressivo e consegue decapitar suas vitimas com facilidades e é uma criatura difícil de ser abatida por não ter nenhum ponto fraco.

Hunter μ – (Resident Evil Outbreak 2)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-125 Hunter Mu”

Organismos Base: Humano / Réptil

Criado por pesquisadores da universidade de Raccoon City, esse modelo de Hunter é uma variação do modelo “MA-125 Hunter R”. Tem as mesmas características do modelo original, mudando apenas em seu tamanho, que foi reduzido para ganhar mais velocidade que o modelo anterior e para poder ser transportado em maior quantidade.

Capítulo 5: Programa Hunter em anfíbios

“Hunter γ

O Hunter γ tem menos poder de ataque e inteligência do que do tipo β, e devido às suas características físicas, é limitada a ambientes aquáticos. Seus pontos fracos são a luz solar direta e exposição ao ar seco. É totalmente inadequado para a distribuição.”

Trecho retirado do livro Resident Evil Archives.

Como já dito antes o Dr. Marcus experimentou o Progenitor Vírus em anfíbios, criando o Lurker, uma criatura sem potencial para ser tornar uma B.O.W., talvez por esse motivo Albert Wesker não tenha trabalhado com esse tipo de animal em seu projeto de novas armas biológicas.

Mas depois que o modelo MA-121 Hunter α ser criado, outro modelo de Hunter foi criado pelos pesquisadores da Umbrella Europa Facility. A pesquisa sobre o modelo não foi continuada devido a suas várias fraquezas e falta de eficácia em combates. Depois eles foram transportados para Raccoon City, para estudo.

Esse modelo recebeu o nome de MA-124 Hunter γ. O modelo não foi criado a partir de répteis, como os demais, esse modelo teve sua criação vinda dos anfíbios, apresentando então muitas características desses animais.

Uma variante do modelo Gamma, vista no ano de 2002 na América do Sul, tem as mesmas características de ataques e físicas, sua única diferença é que o tamanho foi reduzido. Esse processo de redução já foi visto anteriormente no modelo do Hunter μ (Mu), essa redução do tamanho é feita para melhor transporte da criatura, caso ela seja vendida ou transferida de local.

“Estive examinando as amostras coletadas, mas não faço ideia de como o “Glimmer” evoluiu e chegou a este ponto. Parece uma subespécie de “Hunter”. Eu, porém, preciso pesquisar isto mais além…”

Trecho retirado do file “Relatório Biológico 2”, Resident Evi Dead Aim.

Concept Art do Glimmer

Outro modelo de Hunter fora do padrão é o Glimmer, o modelo foi criado na Benthic Island e foi solto para viver no subsolo do laboratório. Com o passar do tempo, ele sofreu uma evolução até ter a aparência atual, essa evolução o permitiu se adaptar sem seu novo ambiente.

Apenas esses dois modelos de Hunters foram desenvolvidos através de anfíbios.

MA-124 Hunter γ – (Resident Evil 3, Outbreak 1, Outbreak 2 e The Darkside

Chronicles)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “MA-124 Hunter Gamma”

Organismo Base: Humano / Anfíbio

O modelo Gamma é mais um dos modelos de Hunters que foi criado combinando o t-vírus com ovo de anfíbios e com o DNA humano. Parecido com um sapo (menos que o modelo Lurker). Este modelo não tem olhos ou dentes, tem sua boca muito grande que lhe permite engolir suas presas inteiras, que o difere dos modelos anteriores, já que eles atacam sempre com suas garras, atacando, mordendo e engolindo suas presas. Alguns apresentam pequenas garras nas mãos, já outros têm patas iguais as de sapos, ele é um nadador muito veloz o que o torna um grande predador quando está na água. Seu ponto fraco é que eles não podem resistir o ar seco ou ao calor e, portanto, devem ser mantidos em ambientes úmidos apenas para garantir sua sobrevivência.

Glimmer – (Resident Evil Dead Aim)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Glimmer”

Organismo Base: Anfíbio

Criado pelos cientistas da Umbrella Atlantic Facility, esse Hunter tem a sua estrutura corporal muito parecida com a de um sapo, é menor que os Hunters comuns. Essa criatura não é muito resistente, mas é bem rápida e forte, ela tem a capacidade de se camuflar mudando a pigmentação da sua pele para poder ficar “invisível”, isso acontece quando ele esta em locais muito escuros, onde ele tem mais facilidade para a camuflagem. Seus ataques consistem em saltar em cima da vítima e liberar uma espécie de ácido através de sua boca.

Capítulo 6: Hunter δ

“- Então aqui estão eles.

– Os Delta Hunters que perdemos o rastro…”

Trecho da fala de Albert Wesker em Prelúdio para a queda, mangá.

Esse modelo de Hunter é o modelo com menos informações obtidas. Tudo indica que sua pesquisa foi feita ainda quando o programa estava funcionando, já que Albert ainda trabalhava para a Umbrella e estava sempre procurando saber os avanços das outras bases de pesquisas da empresa. Pode ser dito que esse modelo não estava sendo produzido na base de Arklay, Wesker sempre procurava saber de informações sobre aquele modelo, e em algum momento todos os dados de pesquisa do modelo sumiram de forma que não pôde ser achado.

“- Eu a extraí de Raccoon City antes que se tornasse nada mais do que uma lembrança.”

Sergei Vladimir sobre Red Queen, Resident Evil The Umbrella Chronicles.

Também se sabe que Sergei retirou o Tyrant de codinome T-A.L.O.S. de Raccoon City. Sergei pensava em salvar a Umbrella e então juntou o que achou necessário e guardou em Caucasus Research Facility, para depois desenvolver armas biológicas.

Esse modelo de Hunter que estava em desenvolvimento pode ter tido sua pesquisa parada e depois sido levado por Sergei com máximo sigilo.

Hunter δ – (Resident Evil The Umbrella Chronicles)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Hunter Delta”

Organismos Base: Humano / Réptil

Este modelo de Hunter foi desenvolvido antes do desenvolvimento do Programa Hunter ser interrompido. Poucas informações são conhecidas sobre esse modelo, sendo assim não é possível saber seu código, mas é muito provável que seja uma continuação da série MA-121. Fisicamente, não parece existir diferenças entre os muitos modelos originais do Hunter. Isso também é válido para os seus padrões de ataque e habilidades de combate, já que são muito rápidos e fortes.

Capítulo 7: Hunter Elite

Após o acidente em Raccoon City, as bases de pesquisas da Umbrella dos E.U.A. foram fechadas, mas a Umbrella ainda tinha suas bases em outros países. Assim a Umbrella Europe, em Paris, ainda desenvolvia suas pesquisas de B.O.W.s que seriam vendidas no mercado negro. Uma dessas armas era o modelo Elite.

“Este modelo especial “Elite” foi modificado para a apresentação. É mais rápido e mais poderoso do que um Hunter padrão.”

Trecho retirado do file Relatório de Pesquisa #220329, Resident Evil Dead Aim.

Esse modelo seria apresentado para possíveis compradores no navio da Umbrella, Spencer Rain.

Hunter Elite – (Resident Evil Dead Aim)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Hunter Elite”

Organismos Base: Humano / Réptil

O modelo Elite é o mais rápido, mais poderoso e mais resistente do que o padrão de Hunter. Estranhamente, essa criatura tem garras apenas em uma das mãos. Foi criado usando todos os dados de combate adquiridos ao longo dos anos dos inúmeros modelos de Hunter. Ele ataca sempre em grupos de 2 ou 3 membros. É uma criatura muito difícil de abater e não apresenta pontos fracos.

Capítulo 8: Fora do Hunter Program

“Hunter II

O Hunter II é enviado para atacar alvos, uma vez que foram isolados pelos sistemas de monitoramento inteiramente automatizado. Sua subespécie, o Sweeper, distingue-se pelo seu corpo vermelho-púrpura e garras venenosas.”

Trecho retirado do livro Resident Evil Archives.

Albert Wesker tinha forjado sua morte e fugido com os dados de combate que ele tinha conseguido quando atraiu os S.T.A.R.S. para a mansão Spencer. Depois disso, ele se juntou a uma organização que trabalhou no desenvolvimento das B.O.W.s. Assim, Wesker conseguiu com os seus dados de combate melhorar o Hunter, criando então o Hunter II e o Sweeper.

O Sweeper foi posto em ação ao lado do modelo padrão Hunter II em Rockfort Island e na Antartic Base.

Hunter II – (Resident Evil Code: Veronica X, Survivor 2: Code Veronica e The Darkside Chronicles)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Hunter II”

Organismos Base: Humano / Réptil

Outra experiência do Hunter, mas fora do Programa Hunter, esta criatura tem as mesmas características do modelo Alpha (α). Ele é o Hunter adaptado a partir dos dados obtidos durante o incidente na mansão por Albert Wesker e desenvolvido pelo mesmo. Ele foi criado com mais força e agilidade que os outros modelos. É capaz de dar saltos enormes para atacar suas vítimas. Este modelo é totalmente controlado roboticamente, para isso tem implantado em seu cérebro sensores que permitem que alguém controle as suas ações. Essa criatura é muito perigosa a ponto de não apresentar pontos fracos.

Sweeper – (Resident Evil Code: Veronica X e Survivor 2: Code Veronica)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Sweeper”

Organismos Base: Humano / Réptil

O Sweeper é um modelo de Hunter desenvolvido pela Organização, graças aos dados fornecidos por Albert Wesker. Embora tenha sido baseado no modelo Alpha original, ele aparenta ser muito mais eficiente. É mais rápido, mais forte e mais inteligente do que os modelos anteriores. Tem seus olhos vermelhos e uma cor roxa em suas escamas, em vez do verde habitual, e suas garras segregam um veneno que lhe permite envenenar sua presa. Ele ataca da mesma forma que o Hunter II. Essa criatura não apresenta pontos fracos, sendo então difíceis de ser abatida.

Capítulo 9: O substituto

Albert Wesker tinha conseguido os dados do modelo Hunter, e com esse vazamento de informação, a Umbrella Corporation decidiu parar de produzir a série Hunter, desde então começou a desenvolver uma nova B.O.W. para substituir o Hunter.

Assim foi criado o Anubis, por volta do ano de 2002. Os cientistas da Umbrella criaram essa B.O.W. através da união de genes de morcegos com insetos e sendo depois administrado o t-vírus.

Os cientistas trabalharam em uma arma com a mesma eficácia que o Hunter, e terminaram fazendo criaturas com a mesma força e agilidade em ataques que o Hunter.

“Anubis

Este novo tipo de B.O.W. é o produto do projeto para desenvolver um substituto para o Hunter. Uma vez que é um morcego que incorpora o DNA de insetos, cujos órgãos digestivos foram retirados para reduzir drasticamente o peso, ele pode pular e se mover com velocidade surpreendente, embora ainda com uma força esquelética incrível. O nome Anubis é retirado do deus da mitologia egípcia. Ele usa suas patas em forma de garra de forma ágil, para escalar paredes e tetos e, a partir destes pontos de vantagem, ataca suas vítimas.”

Trecho retirado do file Anubis, Resident Evil The Darkside Chronicles.

A B.O.W foi criada para ser vendida no mercado negro, onde foi negociada em grande quantidade para Javier Hidalgo, para serem usadas como seu pequeno “exército” pessoal.

Anubis – (Resident Evil: The Darkside Chronicles)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Anubis”

Organismos Base: Morcego / Inseto (Desconhecido)

O nome Anubis vem do Deus da Morte da mitologia egípcia, é uma criatura pequena e tem uma força esquelética incrível. A maior parte dos seus órgãos digestivos foi retirada, com o princípio da redução drástica de peso. Esta criatura tem agilidade e habilidade de saltar surpreendentemente, graças a seu pequeno peso, e ainda consegue escalar parede e tetos com suas garras. Sempre ataca suas vítimas usando suas garras em forma de gancho. É uma criatura muito resistente, não tendo pontos fracos, sendo assim muito difícil de ser abatida.

Capítulo 10: Das profundezas do abismo

Mesmo após o fim da Umbrella vários Hunters foram vendidos até que a produção parasse para dar início ao desenvolvimento do Anubis.

Um dos compradores foi o grupo terrorista Il Veltro. Eles compraram uma grande quantidade de Hunters para usar como armas no atentado bioterrorista na cidade de Terragrigia. O ataque foi um sucesso e os Hunters serviram para aniquilar a população e agentes da B.S.A.A. que lutavam contra as criaturas. Mas no fim o satélite Regia Solis que gerava energia para a cidade foi usado como arma para matar todas as B.O.W.s e por um fim na cidade.

O grupo terrorista tinha em suas mãos um novo vírus que era chamado t-Abyss. Este foi criado juntando o t-vírus com o vírus Abyss. Após o ataque a cidade o grupo começou experiências infectando os Hunters, que não foram usados no atentado, com o vírus t-Abyss.

Dessas experiências um novo modelo de Hunter foi criado, a B.O.W. foi nomeada Farfarello. Seu nome vem de um dos 13 demônios descritos da Divina Comédia de Dante Alighieri. Farfarello significa “caluniador”, “mau espírito” ou “goblin”.

Essa criatura por ter sido exposta a múltiplos vírus ficou muito agressiva e descontrolada. Além de ganhar novas características aquáticas, que é a base do vírus t-Abyss.

Esse novo modelo do Hunter foi deixado em uma base da Il Veltro, na Finlândia, em 2004. A mesma foi descoberta pela B.S.A.A. os agentes da organização enfrentaram e derrotaram as criaturas existentes.

Farfarello – (Resident Evil Revelations)

Classificação

Modelo da Arma Biológica Orgânica: “Farfarello”

Organismos Base: Humano / Réptil

Essa criatura tem características físicas diferentes da maioria dos Hunter anteriores. O vírus t-Abyss deu a esse Hunter a capacidade de nadar e respirar submerso. Ele também tem a capacidade de camuflagem, essa capacidade faz com que ele mude a pigmentação do corpo para ficar aparentemente invisível ao ambiente. Ele é extremamente agressivo e descontrolado. Anda sem em grupos atacando em coletivo. Ele ataca suas vítimas se aproximando enquanto está camuflado e quando chega perto o suficiente usa suas garras.

Fontes: Project Umbrella, Resident Evil WikiResident Evil Center

Imagens: Orkut

Livros:

Resident Evil: Archives

Resident Evil: Archives 2

Resident Evil Umbrella Chronicles Prelúdio para a queda

Resident Evil: The Umbrella Chronicles Official Guide Book

Resident Evil 3: Last Escape Official Guide Book Fulfillment of Her Escape

Resident Evil 3: Last Escape Official Guide Book Complete Conquest

Resident Evil: The Umbrella Chronicles Arts of Arts

Resident Evil Kaitai Shinsho

Resident Evil 0 Kaitai Shinsho

Resident Evil 2 Official Guide Book

Research On Resident Evil 2 Final Edition

Resident Evil The Umbrella Chronicles Official Guide Book

Resident Evil The Darkside Chronicles Official Guide Book

Resident Evil Gun Survivor Official Guide Book

Resident Evil Revelations Navigations & Arts

Gun Survivor 4 Resident Evil Heroes Never Die Official Guide Book

Wesker’s Report II

Jogos:

Resident Evil 0

Resident Evil 1

Resident Evil 2

Resident Evil 3

Resident Evil Code: Veronica X

Resident Evil Remake

Resident Evil Outbreak 1

Resident Evil Outbreak 2

Resident Evil The Umbrella Chronicles

Resident Evil The Darkside Chronicles

Resident Evil Gun Survivor

Resident Evil Gun Survivor 2: Code Veronica

Resident Evil Gun Survivor 4: Dead Aim

Resident Evil Operation Raccoon City

Resident Evil Revelations

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s